*Enquanto o pessoal está preocupado com o cocô de Bolsonaro:*

👇🏼👇🏼👇🏼👇🏼👇🏼👇🏼👇🏼👇🏼👇🏼👇🏼👇🏼

*Destaque local*

A Câmara dos Deputados aprovou por 345 a 76 o texto-base da MP 881, conhecida como da “Liberdade Econômica”. Há ainda 17 requerimentos para votar emendas e ou rejeitar parte do projeto, mas, por acordo, serão analisadas somente hoje. O texto, que gerava polêmica pelo grande número de assuntos que tratava, foi “enxugado” pelo relator da proposta e pelo governo, que desistiram de parte das alterações.

*Empresas*

(BRSR6) O Banrisul reportou lucro líquido de R$ 335,4 mi no 2T 2019, alta de 28% na comparação com o mesmo período de 2018. No período houve um ganho de R$ 29,7 milhões com a reestruturação dos planos na Fundação Banrisul de Seguridade Social (FSBB).

(BPAC11) O BTG Pactual registrou aumento de 76% na receita no 2T, na comparação anual, atingindo R$ 2,2 bi. O lucro ajustado subiu 50,2%, para R$ 1 bi. As units do banco chegaram a subir mais de 5% durante o pregão, com resultados acima da expectativa do mercado, e fecharam o dia com alta de 2,5%. No ano, acumulam valorização de 156%. O crescimento mais expressivo de receita veio de tesouraria e corretagem.

A Movida (SA:MOVI3) apresentou seu balanço nesta terça-feira (13) e mostrou avanço nas principais linhas do balanço. Em conversa com o Investing.com Brasil, o diretor financeiro da empresa, Edmar Lopes, mostrou otimismo com o resultado e o futuro da empresa e sinalizou aumento de investimentos e na distribuição de proventos devido ao aumento do lucro.

A CPFL reportou nesta terça-feira lucro líquido de 574 milhões de reais no segundo trimestre, aumento de 27,4% ante o mesmo período do ano passado.

SÃO PAULO (Reuters) - As vendas de e-commerce no Brasil 7,3% em junho ante mesmo mês de 2018, segundo levantamento da Mastercard (NYSE:MA) SpendingPulse, que mede a atividade no varejo.

SÃO PAULO (Reuters) - A Qualicorp anunciou nesta terça-feira que teve lucro líquido de 110,1 milhões de reais no segundo trimestre, um aumento de 25% em relação ao obtido em igual etapa de 2018.

SÃO PAULO (Reuters) - O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) do Brasil em 2019 foi estimado nesta terça-feira em 603,4 bilhões de reais, alta de 1,2% em relação a 2018 e segunda maior marca registrada pelo país, informou o Ministério da Agricultura.


*Destaque Internacional*

O índice acionário da Bolsa de Buenos Aires recuperou-se parcialmente da queda de 38%, e fechou em alta de 10,66%. Por outro lado, *o risco-país da Argentina, subiu mais 222 pontos e chegou a 1689 pontos* por volta das 14h, máxima dos últimos dez anos. Na sexta-feira, antes do resultado das prévias partidárias que mostrou o kirchnerista Alberto Fernández com 15 pontos percentuais à frente do presidente Mauricio Macri, o risco-país argentino estava em 872 pontos.

*Fontes*
Bloomberg, Brazil Journal, Infomoney, Investing.com, O Globo, Trading Economics e Valor Econômico.

Sem Categoria
14/08/2019
Ver mais comentários
  • {{item.comment}}
    {{formataData(item)}}
      •   Respostas ({{item.filhos}})
    Ver respostas anteriores
    • {{itemResp.comment}}
      {{formataData(itemResp)}}